2013

 

Analogias

Museu de Arte Brasileira - MAB-FAAP

São Paulo, Brasil

[Curadoria] José Luis Hérnandez Alfonso

O conceito de analogia aplicado às artes visuais pode ser de grande utilidade para nos aproximar dos conteúdos, das formas e dos contextos presentes nas obras de arte. Como uma espécie de ferramenta a analogia induz à observação, apreensão e análise da produção artística dando a oportunidade de criar diálogos formais e/ou simbólicos entre as obras.

 

Como instrumento de mediação para o estudo, a reflexão e mesmo o fruir das produções artísticas, a analogia, no caso de esta exposição, pode ser exercitada por caminhos diversos próprios dos diferentes gêneros que estão presentes na exposição. Pinturas, desenhos, esculturas e objetos podem ser apreciados num contexto que intencionalmente as relaciona pelo tema tratado, a forma como é tratado, as técnicas utilizadas, os materiais, as cores, seus formatos, etc.

Percorrer a exposição Analogias é como entrar em um universo de semelhanças e similitudes, correspondências e afinidades, aproximações e equivalências que tem como protagonista um seleto grupo de obras do acervo do Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Alvares Penteado.